Informatização facilita trabalho no Procon de Jacarezinho

21/02/2014 16:17

Atendimento ficou mais ágil a partir de 2014

Jivago França

A informatização do atendimento no Procon de Jacarezinho a partir do inicio deste ano, facilitou e agilizou o trabalho para atender os usuários que necessitam procurar o órgão. A informatização deu inicio no dia seis de janeiro e até esta sexta-feira (21/02), foram registrados 530 atendimentos com 13 processos administrativos e outros 517 que a solução para o problema dos consumidores pode ser conseguida em contato via e-mail ou telefone.

 

A agência do Procon em Jacarezinho recebe diariamente consumidores da cidade e de outros municípios para reclamações de prestadores de serviços, compras e vendas irregulares e demais reclamações.O órgão na cidade realiza constantemente atendimento para moradores de Ribeirão Claro, Cambará, Carlópolis, além de outras cidades como Santana do Itararé, Siqueira Campos e até Curitiba, onde recentemente uma consumidora teve problema com seu carro e procurou o Procon na cidade para resolver o problema com a concessionária.

 

Apesar de existir o Procon em Santo Antonio da Platina, alguns moradores da cidade, constantemente procuram a agencia em Jacarezinho para resolução de problemas. Agora com a informatização, através do sistema DPC, os consumidores poderão ter acesso à consulta dos processo. pela internet, por meio do site do Proncon-PR (www.procon.pr.gov.br).

 

Segundo a chefe de divisão do Procon em Jacarezinho, Maiara de Souza Guimarães, a informatização tornou os processos públicos e facilitou para o consumidor no acesso virtual. “Todo o processo era manual e levava mais tempo para realização. Agora o processo administrativo por meio do sistema informatizado, facilitou nosso trabalho e dos consumidores que não precisam vir até a agência para saber o andamento. Eles podem ver pelo próprio site”, afirmou Maiara.

 

Ao abrir a página do Procon-PR, o consumidor terá uma opção na cor verde com o título “Serviços Consumidor”, onde poderá utilizar diversos serviços do órgão, entre eles, pesquisar a situação do processo por município. Em seguida, o consumidor precisa apenas colocar o número do protocolo, o ano e o município onde registrou.

 

Atendimento

 

Ao todo, desde o dia do inicio da informatização, em janeiro até esta sexta-feira (21), foram registrados 17 atendimentos para moradores de Cambará, 16 para moradores de Ribeirão Claro, seis para moradores de Carlópolis e um para morador de Santo Antonio da Platina. Dentre os bairros de Jacarezinho, a maior concentração de atendimento é de moradores do centro com 89 atendimentos neste período do dia seis de janeiro até 21 de fevereiro.

 

Para moradores do bairro Aeroporto, foram realizados 51 atendimentos. A Vila Setti aparece em terceiro na lista com 30 atendimentos, seguido por Vila São Pedro com 28, Vila Scyllas com 22, Dom Pedro Filipack com 19, Vila Maria com 18, Jardim São Luiz com 14 e Jardim Panorama e Parque Bela Vista com 13 atendimentos cada. O restante dos bairros apresentaram menos de 10 atendimentos cada neste período.

Jivago França



Galeria de imagens